Oxitocina

Oxitocina
Você é, agora, a coisa mais importante do mundo para mim. A mais importante de toda a minha vida s2

domingo, 3 de julho de 2011

Oi, não sei ao certo o que vim escrever. Vou apenas escrever, pra tirar as ideias da minha cabeça. Se é que se pode dizer 'ideias'. Ou apenas, pensamentos. Independente de deifinir se bom ou mal ;s
Hum. Não sei o que anda acontecendo comigo. Quando eu deveria esta bem, eu me sinto mal! E quando era pra esta mal, eu tento ate conseguir melhorar. E consigo! Mas e porque, quando esta bem que fica mal eu não faço nada sobre isso? Ah, que NÓ!
Não sei! Credo, e porque eu só digo isso? Sera que não ha nada que eu saiba? Af, para de se fazer perguntar indiretas criatura!
Mas é verdade, eu ando assim agora. Mas e por que? Olha, viu só! Eu continuo fazendo a mesma coisa. Não dá. É bom, eu parar pra pensar. Calma.
Então.. Não sei mesmo, o que anda acontecendo comigo. Me sinto indisposta sempre, não tenho motivação. As vezes aparece uma alegria, minha nenem! Que linda ela é né?! E esperta, muito. Graças a Deus!
Mas eu to falando de motivação de verdade, pra estudar, buscar, aprender. Eu penso em tanta coisa ruim, tanta besteira. E é so eu pensar nela, em Beatriz, que tudo fica bem. Mas ainda assim falta alguma coisa, eu sei que falta. Pode ate ser que eu realmente não saiba o que é, ou saiba, so não queira ver.
Ando tão bloqueada pra escrever. Digo, escrever de verdade. Como antes, coisas boas, bonitas, de coração, do corpo, da alma.. Nada me vem. A não ser que eu fosse muito. Muito mesmo. E isso é ruim, eu também não sinto tanta vontade, nunca tenho disposição.
Ah, por que eu mudei? Por que sera que eu tive que mudar? Assim tudo seria como antes, ou tambem não faria sentido em alguma coisa? Realmente nao dá pra ser exata! Não mais.
Eu não vou tentar nada agora, nem melhorar o post. Estou um pouco exausta, acabo de chegar do cinema. Estava muito disposta a assistir o filme, mas a caminho, agora muito 'complicado' nao deixou. E por incrivel que pareça, eu nao sei o que é. - Deisirrê Santos Ramos Alves da Costa.

Nenhum comentário:

Postar um comentário